23 de julho de 2016

Casa de férias em modo azul


PUB



A casa, de arquitetura típica portuguesa, é uma habitação de férias, tem uma área de cerca de 300 metros quadrados, está localizada em Azeitão - Portugal- e tem vista sobre a Serra da Arrábida.
Todos estes metros quadrados são distribuídos por hall aberto para o exterior, salão e sala de jantar contíguos (divisões separadas por dois nichos pontuados por lajes de pedra antiga e duas bilhas antigas de barro), cozinha, duas suítes, três quartos e lavabo social. 
Responsável pelo projeto - Cristina Santos e Silva, da Ártica Decoração. 

Foto de cima: Sofá, em pele envelhecida, da Kare Design, almofadas com tecidos da Nina Campbell, Osborne & Little e Pedroso & Osório. Mesas de apoio, pouf em lã e candeeiro de braço, da Ártica. Óleo de Alvarez e coleção de potes antigos, de barro e cerâmica.


A sala, com fotografia de Pedro Moura Pinheiro na parede, móvel em madeira antiga e peças decorativas da Ártica, comunica com a casa de jantar.

Consola, em lajetas de pedra, natureza morta, de autor desconhecido, adquirida pelos proprietários num leilão em Madrid, e aplique, em folha de latão, da Ártica.

Sofás individuais, antigos e recuperados, revestidos a veludo da Nina Campbell. Mesa de apoio, em ferro e vidro, e candeeiro de pé, em ferro pintado, da Ártica.

Lareira já existente recuperada em obra por Paula Vidal, e espelho, em talha dourada do século XVIII, do antiquário Virgílio Seco. 

Mesa, com desenho de Cristina Santos e Silva, executada pela Ártica, e cadeiras, em pele, do antiquário Transição, pintadas por Paula Vidal.

Louceiro, adquirido no antiquário Antiquoeste, eletrificado em obra.

Lustre, em vidro e ferro, do antiquário Transição, e tela a óleo, de Inês Gato. Jarras, em terracota vidrada, e esculturas, em cobre, da Ártica.

Mesa em pedra (mó antiga) do antiquário Carmo Serzedelo, taça em pedra da Ártica, lustre do antiquário Transição. Na parede, tapete artesanal marroquino.

Cozinha, com desenho da Ártica, executada pela Fabri, com revestimento parcial de paredes e chão a mosaico hidráulico da Koklatt.

Lustre, em vidro e ferro, dos avós da proprietária, recuperado e pintado por Paula Vidal. Bancos altos, estilo vintage, em metal, assento de madeira, da Area.

Cómodas, a servir de mesas de cabeceira, e roupeiro, peças decapadas e pintadas. Candeeiros de mesa, da Ártica, e espelhos antigos adquiridos no antiquário Carmo Serzedelo. Lareira original, recuperada em obra.

Cabeceira de cama com aplicação de fragmentos em talha dourada do antiquário Transição, estofada e forrada no tecido Birds of Paradise, da Pedroso & Osório para a Ártica.

Camas e mesa de cabeceira pintadas, com candeeiro, em porcelana, da Ártica. Na parede, aplicações de flores, da Liberty London.

Mobiliário antigo pintado, candeeiro de mesa, em ferro, com berloques em vidro, da Ártica. Na parede, cabeça de veado, da Liberty London.

Móvel, de Cristina Santos e Silva, em madeira maciça, com lavatório em pedra (antigo bebedouro). Paredes revestidas a mosaico hidráulico da Koklatt.

Móvel, desenhado por Cristina Santos e Silva, com lavatório em bebedouro de pedra antiga. Mosaico hidráulico da Koklatt e pedra Marmocer, da Barmat.

Almofadas em tecido Jim Thompson para a Ártica. Cestas e babuchas marroquinas. Almofada e tapete, peças bordadas a lã, da Anthropologie.

Zona de solário, chapéu e cesta bordada, da Arboretto.

Mesa de pedra e cadeiras, em ferro pintado, com desenho e execução da Ártica. Peças decorativas, em pedra, do antiquário Françoise Baudry.

As refeições ao ar livre acontecem sob a pérgula, feita a partir de troncos de madeira pintada de branco, com vista desafogada para a piscina.

Fonte | Caras Decoração
PARTILHAR:

PUB

1 comentário:

  1. Aonde encontro essa mesa de metal de frente de sofa aguardo informacoes obrigada patricialv@globo.com

    ResponderEliminar