2 de maio de 2011

10 Clássicos na Decoração do Lar


PUB



Os clássicos são sempre clássicos. Resistentes, duradouros, intemporais, adaptam-se facilmente de uma decoração para outra, passam de geração em geração e de casa para casa, sem perder a sua beleza. Saiba quais são as peças decorativas em que vale a pena investir.Saiba os 10 clássicos que todas as casas deviam de ter.
Obras de arte originais - escolher, adquirir e exibir uma obra de arte original é um momento de orgulho e de satisfação para qualquer pessoa. Mesmo que tenha de amealhar durante vários anos, valerá o tempo de espera, principalmente sabendo que este é um investimento que irá valorizar com o tempo.
Candeeiro de pé - as luzes de tecto ou de mesa nem sempre são suficientes para iluminar determinado espaço ou ambiente, por isso, um candeeiro de pé abrangente – com braço extensível ou em arco, por exemplo – é uma peça chave para que ninguém fique às escuras. Os diversos modelos disponíveis no mercado hoje vão desde os formatos mais design e contemporâneos, aos mais clássicos e discretos. Faça-se luz!
Aparador - uma sala de jantar não está completa sem um magnífico aparador, que lhe empresta interesse e uma excelente solução em termos de arrumação e organização. As opções são mais do que muitas: horizontal, vertical, suspenso, estreito, largo, pode ser uma peça herdada dos avós ou condizente com a restante mobília do espaço. É mesmo uma peça para a vida, por isso, pesquise muito e bem!
Poltrona em pele - uma poltrona ou sofá individual em pele é um elemento chave em qualquer decoração, sendo facilmente integrado numa sala de estar, escritório, quarto ou hall de entrada. Com o uso e o passar do tempo fica ainda mais bonito, tornando-se cada vez mais suave e confortável, podendo mesmo ser passado de geração em geração.
Tapete em lã - um extenso e espectacular tapete pode definir um espaço e dar-lhe uma nova vida. Para além de servir de divisão entre ambientes distintos, empresta um toque de conforto, protege o chão e disfarça os ruídos. Pode ser liso, subtil ou a forma perfeita de adicionar um pouco de cor à decoração. O mais importante é que seja de elevada qualidade e fácil de limpar, para uma longa vida… um mimo para os olhos e para os pés descalços.
Lençóis luxuosos - passamos um terço das nossas vidas a dormir, por isso, que seja em lençóis suaves e confortáveis. Para além do bem-estar que proporcionam, os têxteis de cama fazem parte da decoração do quarto e, embora os conjuntos mais luxuosos sejam mais caros, também são mais duradouros. Por isso, este é um preço que compensa…o seu corpo e pele agradecem.
Serviço de jantar branco - não haverá peça mais icónica do que um serviço de jantar branco. Quadrado ou redondo, liso ou com pequenos motivos, fica sempre bem e tem a versatilidade de poder ser conjugado com todo o tipo de louça, para conseguir diferentes ambientes decorativos. Para além disso, são sempre mais fáceis de repor, no caso de se partir alguma peça.
Colecção de copos de cristal - o cristal é um elemento clássico que tanto fica bem dentro de um aparador com portas de vidro como numa mesa bem decorada. Tradicionais ou modernos, o importante é escolher uma colecção que embora possa não ser intemporal (os azares acontecem!), seja sempre um prazer utilizar. O formato e o tamanho dos copos devem ser confortáveis e adequados às bebidas servidas, podendo também ser conjugados com outros modelos.
Faqueiro em aço inox - adquirir um bom faqueiro em aço inox é um dos melhores investimentos que pode fazer, porque terá talheres para o resto da vida! Entre os clássicos e os ultra-modernos, é sempre boa ideia escolher um meio-termo, ou seja, um conjunto que servirá tanto para ocasiões casuais como formais. Bom apetite!
Vaso de cristal - um vaso de cristal de traços simples e elegantes nunca sai de moda, pode ser exibido em várias divisões e tem múltiplas funções – para dispor sem nada, com arranjos florais, colecções de conchas, centros de Natal ou Páscoa, a verdade é que vai dar-lhe uso todo o ano.
Via - eudecoro.
PARTILHAR:

PUB

0 comentários:

Enviar um comentário